Os profetas atuais e o evangelho de auto ajuda -Vivendoverbo


Talvez esteja ficando meio velho ou ranzinza. Encontrei a Jesus em 1994, mas comecei a entender um pouquinho em 1998 e posso dizer que em 2004 iniciei minha conversão, pois creio que conversão é uma caminhada dia à dia.Passei por diversas comunidades (vulgo igrejas, na verdade umas 5. Desde as mais ou menos tradicionais, as muito tradicionais, as neo penteca ultimate fighter e as neo pentecostais moderadas. Agora que entendi um pouquinho que Jesus falou nas escrituras, é intolerável suportar esse evangelho de "auto ajuda". Todo mundo procurando uma palavra de conforto sem arrumar o seu próprio caminhar. Será que ninguém sabe que sem arrependimento não há conversão, e sem conversão não há salvação. Não importa a linha doutrinaria, pois estamos no meio dos "walking dead gospel", cercados de mortos vivos, que podem ler 1000 vezes a mesma passagem bíblica e não entender por mais claro que seja. Há sempre uma desculpa para justificar seus tropeços. Tem alguns motivos para isso: safadeza, hipocrisia, lobotomia, cegueira,ganancia, falta de temor e ateísmo. E olha que o que não falta nas comunidades eclesiásticas é ateu, pois é a única coisa que pode significar alguém que diz fazer parte da igreja, mas vive como se Deus não existisse. Em vez de ficar bancando profeta de rede social, dizendo "ei, eu tenho uma coisa boa para te dizer", vai ler a bíblia e vê se aprende a viver e a morrer como profeta. Porque a falar como um, tá longe 

#vivendoverbo